investigadores

webinars

O trabalho científico em Portugal: Precariedade e Burnout

Este debate, que levamos agora às Universidade de Aveiro (1 de abril) e de Coimbra e Beira Interior (6 de abril), é aberto à participação/intervenção de todos os interessados.

1 de Abril - Universidade de Aveiro

https://zoom.us/j/92856759975

6 de abril - Universidade de Coimbra e Universidade da Beira Interior

https://zoom.us/j/96802494092

Por iniciativa da FENPROF, Ana Ferreira, Investigadora FCSH-Nova e dirigente do SPGL/FENPROF, realizou um estudo científico que permite fazer uma caracterização cuidada da situação dos investigadores em Portugal.

Os três principais objetivos deste trabalho foram:

- Caraterizar uma população que se tem mantido invisível, apesar da sua grande importância, ainda maior no atual contexto de combate à pandemia;

- Caraterizar a atividade que os investigadores desenvolvem em Portugal;

- Caraterizar a relação que têm com o trabalho, com a sua situação perante o trabalho e as suas vivências subjetivas num quadro de enorme precariedade.

Com:

Ana Ferreira (Autora do estudo realizado pela FENPROF)
Carolina Rocha (Dirigente da ABIC)
Fernandes de Matos (Dirigente do SPRC/FENPROF, moderador do debate) 

Está em... Home Última Hora O trabalho científico em Portugal: Precariedade e Burnout