FENPROF saúda a CGTP-IN pelos seus 50 anos de intensa e muito importante vida

Em 1 de outubro de 2020 a Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional (CGTP-IN) completa 50 anos. Constituída em 1970, os sindicatos e os sindicalistas que tiveram a coragem de erguer a Intersindical Nacional deram, dessa forma, expressão organizada ao movimento operário que já então era muito vivo em alguns setores e criaram condições que deram ainda mais força à luta dos trabalhadores. Sabiam, esses homens e mulheres, que o fascismo não lhes perdoaria e os perseguiria, como veio a acontecer, com vários deles/as a serem presos e torturados pela PIDE.

Filme sobre a história da CGTP-IN (46 minutos), no interior

Não foi isso, contudo, que fez esmorecer a organização e a luta. Pelo contrário, a intolerância do governo fascista e a ação repressiva da sua polícia política fizeram crescer a resistência e a luta contra a ditadura, tendo a Intersindical Nacional desempenhado um papel decisivo na queda do fascismo e na conquista da Liberdade em 25 de Abril de 1974.

Memorável o primeiro 1.º de Maio em liberdade! Organizado em apenas cinco dias, ele foi decisivo para o futuro de uma organização que, já em Democracia, foi protagonista na obtenção de conquistas tão importantes para os trabalhadores como o direito a férias remuneradas e com subsídio, a um salário mínimo, ao direito à greve, à proibição de despedimentos sem justa causa, à negociação anual dos salários, ao 13.º mês, a uma Segurança Social pública, solidária e universal, ao Serviço Nacional de Saúde ou à Escola Pública, entre outros. Direitos que, nos dias que correm, deverão merecer a mais veemente defesa por parte do movimento sindical unitário, tanto mais que alguns deles vêm sendo, em

muitos momentos, postos em causa.

Hoje, cinquenta anos depois, a CGTP-Intersindical Nacional continua a ser a grande organização sindical dos trabalhadores de Portugal e a honrar toda uma história de luta, resistência e conquistas, sendo a expressão maior, no nosso país, do sindicalismo de classe, independente, unitário e democrático.

A FENPROF saúda a CGTP-IN, organização que, com os seus sindicatos de professores, integra, à qual aderiu, na sequência de uma ampla e muito participada discussão e decisão inequívoca dos educadores e professores seus sindicalizados. Num tempo que, por razões diversas, é complexo, a FENPROF reitera plena confiança na CGTP-IN, estando certa que, tal como em tempos ainda mais difíceis, esse será o espaço solidário em que, de forma convergente, os trabalhadores de Portugal irão continuar a construir o seu futuro coletivo.

Viva a CGTP-IN e vivam os seus 50 anos de intensa e muito importante vida!

Está em... Home Última Hora FENPROF saúda a CGTP-IN pelos seus 50 anos de intensa e muito importante vida