burnout capa encontro

II ENCONTRO INTERNACIONAL
Estudo torna públicas condições de Vida e de Trabalho dos Professores em Portugal

Mais de 200 professores participaram no II Encontro Internacional Sobre o Desgate na Profissão Docente. Trata-se de uma iniciativa que é, simultaneamente uma acção de formação de curta duração. Um espaço de percepção de uma realidade sobre a qual a FENPROF entendeu ter chegado o momento de pôr fim ao silêncio existente à volta deste tema.

A equipa de investigadores envolvida no estudo (FCSH/UL e outras instituições) consegue provar que o problema é de organização do trabalho. O afastamento entre as expectativas dos docentes e a realidade do exercício da sua profissão é a principal causa dos problemas diagnosticados, bem reflectidos nas conclusões que, nesta fase, é possível tirar, num estudo que, até pelo volume dos dados (cerca de dois milhões), não está e não podia estar terminado. A edição n.º 294 do Jornal da FENPROF (OUTUBRO DE 2018) publica, na íntegra, resultados finais de parte muito significativa dos dados obtidos.

Trata-se de um estudo marcante, oportuno e de grande utilidade para se tratarem os problemas do desgaste profissional docente e de esgotamento (ou exaustão) emocional entre os professores. Para a FENPROF é, também, um instrumento valioso de intervenção e ação. Um instrumento que é também valioso para todos os docentes.

“Os processos de saúde-e-doença do trabalho certamente são uma das questões públicas chave e um dos problemas sociais fulcrais para a interpretação – e a transformação – da vida de diversas sociedades no século XXI. E a sociedade portuguesa não é distinta. Este estudo pressupõe o reconhecimento da centralidade do trabalho para a formação social. Nascido do encontro entre investigadores universitários e dirigentes sindicais da FENPROF2 com uma preocupação comum – perceber o reflexo sintomal do que é o mundo laboral do trabalho na educação em Portugal –, o presente estudo social pretende responder a algumas «questões públicas»: Por que uma grande parte dos professores, ao final do dia, sentem-se esgotados? Quais são as causas do sentimento de exaustão emocional entre os docentes? De onde advém o stress laboral na educação escolar? Como compreender e/ou explicar um mal-estar tão difuso e generalizado nas funções, estrutura e dinâmicas desta atividade vital?” – é salientado na introdução ao estudo. 

Assista aqui a todas as intervenções do II Encontro Internacional sobre o Desgaste na Profissão Docente

Apresentação do Professor Christophe Déjours

Apresentação de Martin Henry (original em Inglêsversão em Português)

Está em... Home Última Hora II ENCONTRO INTERNACIONAL