img site Manif

Manifestação Nacional
de Professores e Educadores

19 de Maio | Lisboa | Marquês de Pombal

Inscrição online: http://luta.sprc.pt/ 

Em convergência com outras nove organizações sindicais de professores, a FENPROF convocou uma grande Manifestação Nacional de Professores para 19 de Maio, pelas 15 horas, em Lisboa. Concretizar este enorme desafio terá de ser, a partir de agora, a nossa prioridade. As razões são várias: foi a FENPROF que, ouvindo os professores, propôs esta grande manifestação de descontentamento e exigência; a FENPROF é a grande organização de professores em Portugal e o SPRC na região centro do país – têm, por isso uma responsabilidade acrescida na sua mobilização para a luta; a situação que vivemos exige mesmo que os professores demonstrem publicamente o seu enorme descontentamento e exijam soluções para problemas que, de outra forma, não terão fim. Problemas como:

Carreira, em particular a intenção do governo de, discriminando os professores, eliminar mais de 70% do tempo que cumpriram nos 9 anos, 4 meses e 2 dias de congelamento;

Aposentação, com o governo a reconhecer que o envelhecimento da profissão docente é um problema muito preocupante, mas a não tomar medidas que lhe ponham cobro;

Horário de trabalho, sendo óbvio, até para o ME, que os horários dos professores são ilegais – indo muito além das 35 horas e desrespeitando o ECD na sua organização –, sendo um dos principais factores de desgaste dos professores;

Precariedade, com as medidas já tomadas a revelarem-se muito insuficientes, para além de extremamente injustas para quem é excluído.

Outros problemas se podem identificar como integrando a lista das nossas prioridades reivindicativas. Desde logo a municipalização da Educação, com governo e PSD a quererem entender-se sobre esta matéria, o que nos obrigará a lutar, ainda com mais força, contra esse ímpio caminho, a par de um regime de gestão das escolas que tarda em democratizar-se e que tão importante é para o funcionamento dos estabelecimentos de educação e ensino e para o exercício da autonomia científico-pedagógica dos docentes.

Depois de 3 dias de greve, ao longo do ano lectivo, com níveis de adesão que, há muito, não se viam (27 de Outubro, 15 de nNovembro e entre 13 e 16 de Março), é tempo de os professores saírem à rua para afirmar que não aceitam continuar a ser desvalorizados, exigindo respeito.

O governo, tentando evitar novos conflitos fortes com os professores, procura, recorrendo a estratégias diversas, esvaziar a luta. Nós, os Professores, teremos de os fazer entender que a luta só se esvaziará se os problemas forem resolvidos, caso contrário, tornar-se-á ainda mais forte.

Neste momento, um momento em que o governo espera para sentir o pulso à luta dos professores, a nossa responsabilidade aumenta: esta Manifestação terá de ser uma enorme Manifestação. A Praça do Marquês de Pombal, em 19 de Maio, terá de ficar a abarrotar e aquela praça lisboeta, bem como a Avenida da Liberdade não dão para disfarçar.


O desafio que se coloca é o de, em cada escola/agrupamento, pelo menos, encher um autocarro. O autocarro da escola/agrupamento partirá de onde os colegas entenderem, podendo ser, se quiserem, da porta da escola sede, sendo também muito interessante que o mesmo tenha referências de identificação e as exigências dos seus professores. Porém, se não der para encher um autocarro, todo e qualquer contributo para encher outro, com colegas de outras escolas/agrupamentos, será importantíssimo.


VAMOS A ISTO QUE A HORA É NOSSA!


pdf Proposta da FENPROF para a recuperação integral do tempo de serviço

pdf Ficha de inscrição nos transportes

pdf Folheto informativo sobre a contagem do tempo de serviço (perguntas e respostas)


Transportes 19MAIO web

Inscrição online: http://luta.sprc.pt/ 

Locais de saída

Aveiro – Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | Castelo Branco - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | Coimbra - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Guarda - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | Leiria – Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. | Viseu – Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Deve sempre indicar-se: 

  • o número de saída de transporte
  • o nome a inscrever
  • Contacto telemóvel
  • Contacto por mail
  • Escola/agrupamento

Contactos do SPRC em: http://www.sprc.pt/index.php/contactos

AVEIRO

1. Estarreja – ES Estarreja – 8h45
2. Aveiro – Pavilhão dos Galitos – 9h30
3. Águeda – ES Adolfo Portela - 8h45
4. Anadia – EB 2,3 (antiga) – 10h15

CASTELO BRANCO:

5. Belmonte - Junto EBS Pedro Álvares Cabral - 9h00
6. Covilhã - Rotunda do Hospital – 9h30
7. Fundão - Cruzamento de Valverde – 9h45
8. Castelo Branco - Escola João Ruiz – 10h30
9. Perdigão – (No local) – 11h10

COIMBRA

10. Coimbra -  Praça da Republica – 10h00
11. Figueira  -  Abadias (junto à EB João de Barros) – 10h00
12. Montemor-o-Velho - (rotunda do Intermarché) – 9h45
13. Oliveira do Hospital - Estac. da Escola Secundária – 9h00
14. Lousã - Largo da Câmara Municipal – Largo da Câmara – 9h00
15. Cantanhede - Estacionamento junto à Escola Secundária – 9h30

GUARDA

16. Vila Nova de Foz Côa - Escola Dr Adão Carrapatoso – 7h30
17. Mêda -  Sede do Agrupamento da Mêda – 7h50
18. Trancoso - Parque Pavilhão Multiusos – 8h15
19. Seia - Rotunda da Central de Camionagem  - 8h00
20. Gouveia - Rotunda da Estrela -  8h20
21. Celorico da Beira -Central de Camionagem – 8h45
22. Figueira de Castelo Rodrigo - Escola Secundária de FCR - 8h00
23. Almeida - Sede do Agrupamento de Almeida – 8h20
24. Guarda - Parque Polis - 9h00

LEIRIA

25. Ansião – Rotunda do Bombeiro – 10h15
26. Pombal – Rotunda do Bombeiro – 10h30
27. Leiria – NOVO LOCAL - Estacionamento junto à Rotunda D. Dinis (R. Dr. João Soares) – 11h00
28. Marinha Grande – Largo das Finanças – 11h15
29. Alcobaça/Nazaré – Bombas REPSOL, Valado dos Frades – 11h30

VISEU

30. Viseu - Avª Europa / Tribunal – 9h30
31. Lamego – Escola EB 23 – 8h30
32. Castro Daire - junto Intermarché – 9h00
33. Tondela - junto ao Continente – 9h45
34. Stª Comba Dão - Café Arcada – 10h00
35. Mortágua - Restaurante Lagoa Azul – 10h15


NOTAS:

  1. Os transportes poderão ser organizados a partir de sedes de escolas não agrupadas ou sedes de agrupamentos, desde que o número de participantes o justifique. Para esse efeito, podem os colegas contactar a Direcção Distrital do SPRC respectiva.
  2. Nos locais em que não haja número de pessoas suficientes para utilização de autocarro deverão ser organizadas formas alternativas de deslocação para o ponto de saída de autocarro mais próximo.

As organizações sindicais de docentes convocaram uma Manifestação Nacional de Professores e Educadores para o dia 19 de maio, em Lisboa.

Reunidas esta tarde, em Lisboa, as subscritoras da Declaração de Compromisso assinada com o governo a 18 de novembro de 2017, fazem uma apreciação extremamente negativa do processo negocial com o governo para a recuperação do tempo de serviço. Outros aspetos do compromisso assumido estão ainda por cumprir, como é o caso da não apresentação de propostas visando reorganizar os horários de trabalho ou rejuvenescer a profissão docente, permitindo a saída dos mais antigos. Também em relação à precariedade, o governo continua a recorrer à contratação a termo de muitos docentes para satisfazer necessidades permanentes das escolas e dos quadros de zona pedagógica, o que fere, inclusivamente, o direito comunitário.

Após uma greve de 4 dias, entre 13 e 16 de março, os sindicatos decidiram dar mais uma oportunidade ao diálogo, mas sem sucesso: o governo mantém-se intransigente na intenção de anular mais de 70% do tempo de serviço cumprido pelos docentes durante o período de congelamento e não houve qualquer resposta, por parte do ME, aos pedidos de reunião enviados por todas as organizações sindicais.

Assim, não resta outra alternativa aos professores e educadores senão a de endurecer a luta. Porque o tempo de serviço não se negoceia, conta-se!

O Secretário-geral da FENPROF, Mário Nogueira, explica quais os motivos que vão levar os professores para a rua no dia 19 de maio.

Está em... Home Última Hora Manifestação Nacional de Professores e Educadores dia 19 de maio, em Lisboa!