“O papel dos avós na Europa – políticas familiares”

Decorreu no passado dia 11 de Dezembro, no pequeno auditório o Conservatório de Música de Coimbra, mais um encontro de professores aposentados,
desta vez animado pela professora Maria Isabel Lemos(1)  que apresentou um estudo sobre o papel dos avós na Europa e políticas familiares.

Este estudo da responsabilidade de várias instituições científicas de renome (King’s College of London, Fundação Calouste Gulbenkian, Beth Johnson Foundation, entre outras), iniciado em 2012 foi divulgado no congresso dos sindicatos ingleses em Dezembro de 2013 e posteriormente na reunião do Comité Executivo da FERPA em Março de 2014. Ao longo de cerca de uma hora e trinta minutos a nossa colega, depois de caracterizar essa população “ignorada, comprometida e muito pouco estudada”, provou com números exaustivos a ideia que nós vamos tendo acerca das diferenças entre os países europeus (e não só a União Europeia), particularmente entre os do norte da Europa e os do sul.

Ficou ali evidente que os pais do norte da Europa ocupam apenas ocasionalmente os avós na guarda intensiva dos seus filhos, já que os auxílios à família são muito mais generosos, há mais oportunidades de trabalho parcial para os jovens pais, sobretudo mães e a oferta de guarda formal, embora desigual é mais comum. No entanto a situação inverte-se quando se fala em guarda intensiva. Esta foi uma das conclusões interessantes que foi apresentada; no entanto, diferenças entre as idades dos avós, a instrução, a solidão e as responsabilidades foram também expostas.

A sessão, infelizmente com pouco público, terminou com a apresentação de testemunhos carinhosos de netos e avós designadamente presentes em alguns textos literários como os de Rachel Queirós (escritora brasileira, prémio Camões em 1993) e José Saramago.

(1)  Professora aposentada, dirigente do SPRC, membro da Comissão Coordenadora  do Departamento de Professores Aposentados da Fenprof, da Comissão executiva da IR-CGTP e do Conselho Executivo da FERPA.

001 002
003 004
005 006
007 008
009 010
011 012

015 013
014 016
017 018
 

Está em... Home Sectores Aposentados O papel dos avós na Europa – políticas familiares